Coreia do NorteEducaçãoPolítica

Kim Jong Un visita a Escola Central de Quadros do Partido e dá palestra comemorativa

Pyongyang, 18 de outubro (ACNC) — Sob a provada e hábil direção de seu grande Comitê Central, o Partido do Trabalho da Coreia exalta a todo o mundo a dignidade, a honra e o heroísmo da nossa pátria poderosa criando o exemplo secular da causa de construção partidária no transcurso da nova época da revolução do Juche.

Foi apresentado o grande programa imortal que garante o novo plano prospectivo da construção do PTC, quando amostras mais contundentes da confiança absoluta de todos os habitantes, depositada nessa organização que conduz energicamente à nova vitória a causa socialista ao estilo coreano superando os desafios e dificuldades sem precedentes, são dadas.

O estimado camarada Kim Jong Un, Secretário-Geral do Partido do Trabalho da Coreia e Presidente dos Assuntos Estatais da República Popular Democrática da Coreia, visitou, no dia 17, a Escola Central de Quadros do PTC, máxima base de formação de quadros desta organização política, e deu uma histórica palestra comemorativa a ser registrada em letras maiúsculas na história do fortalecimento do PTC.

Ele foi recebido no local pelo diretor da Escola, Paek Hyong Chol, e pelo secretário do comitê partidário nela, Jang Song Ho.

Um funcionário diretivo da Escola entregou-lhe um buquê de flores aromáticas.

Todos os professores, empregados e estudantes acolheram com estrondosas vivas o querido Secretário-Geral com a grande honra de recebê-lo na escola no significativo Dia da Fundação da UDI (União para Derrotar o Imperialismo), que marca o princípio da revolução coreana e gloriosa raiz histórica do PTC.

O estimado camarada Kim Jong Un cumprimentou-os cordialmente, acenando-lhes a mão.

Acompanharam-lhe na ocasião os secretários do CC do PTC, Jo Yong Won, Ri Il Hwan, Kim Jae Ryong, Jon Hyon Chol, e Pak Thae Song, e o chefe de departamento do CC do PTC, Ju Chang Il.

No transcurso da gloriosa história do PTC, esta Escola veio cumprindo sua importante missão de formadora de quadros medulares — recordou ele e avaliou que ela faz grande contribuição ao crescimento político-ideológico e técnico-profissional da fileira de quadros do Partido.

E se fotografou com todos os professores, funcionários e estudantes expressando a esperança de que trabalhem mais enérgica e resolutamente pelo fortalecimento do Partido e pelo cumprimento exitoso do sagrado programa de luta compartilhando o mesmo propósito, vontade e ação com o CC do Partido.

Em seguida, percorreu o monumento com a escrita do Presidente Kim Il Sung erguido na Escola.

Este valioso manuscrito, deixado pelo fundador do PTC em agosto de 1948 para os primeiros graduados do curso de um ano da escola central do Partido, é a tese imperecível que sintetiza a invariável orientação e princípios que regem todo o curso da construção e atividades do Partido — observou.

Quando gravarmos no coração dos estudantes essa tese, que define o caráter do PTC e a essência de seu modo de trabalho, como fundamento de vida e luta, será possível formar os verdadeiros funcionários do Partido habituados ao serviço absoluto e abnegado ao povo.

Inteirou-se do estado do ensino ao longo de seu percurso por vários pontos da Escola como a sala de educação da história revolucionária.

Intensificar a educação nesta escola é o problema importantíssimo vinculado com o futuro do Partido — disse e acrescentou que para permitir ao nosso Partido ter segurança de seu plano prospectivo, há que renovar às alturas da época em mudança o trabalho desta formadora de quadros partidários de reserva que cumpre a importante missão e dever de preparar os pilares encarregados de continuar a construção do Partido.

Ao explicar a decisão do CC do Partido de converter esta escola no melhor dos centros docentes e impulsionar, tomando-a como modelo, o projeto de elevar o nível do ensino e o papel das instituições de formação dos quadros partidários de diferentes níveis, chamou a dar um grande passo adiante em renovar a educação dela tomando como nova ponto de partida este significativo dia da preparação da raiz da revolução coreana, de modo que se possa confiar nela o futuro eterno do PTC.

Diante dos professores, funcionários e alunos da escola, o Secretário-Geral deu uma histórica palestra comemorativa intitulada “Sobre o rumo da construção do nosso Partido na nova era e as tarefas da Escola Central de Quadros do Partido do Trabalho da Coreia”.

Os participantes se encontravam muito jubilosos e emocionados por receber a palestra revolucionária do Secretário-Geral que será guardada por eles como honra de toda a vida.

Quando o Secretário-Geral subiu à tribuna, estouraram as aclamações ao destacado líder da revolução do Juche que realiza incansáveis esforços físicos e mentais pelo desenvolvimento do nosso Partido, pela prosperidade e glória eternas do nosso Estado e o bem-estar do povo.

Ele começou a palestra expressando agradecimento, em nome do CC do Partido, aos professores, empregados e alunos da Escola que assumem a sagrada missão de formar os quadros medulares do Partido e trabalham com abnegação para cumprir sua tarefa revolucionária neste período em que se aprofunda mais do que nunca o trabalho para fortalecer o Partido e esta tarefa se apresenta como missão histórica mais importante para o futuro da revolução coreana.

A Escola Central de Quadros do PTC é a formadora de quadros partidários guiada diretamente pelo Comitê Central do nosso Partido — adiantou e prosseguiu:

Está registrada na longa e orgulhosa história da construção e luta do nosso Partido a grande contribuição feita pela Escola Central de Quadros.

Foi uma medida muito justa e sensata o fato de o nosso Partido ter fundado a Escola Central do Partido logo após a sua fundação.

Perante o PTC, que conduzia a causa da construção do país e do exército após a libertação do país, foi-lhe apresentada a importante missão de ampliar e reforçar rapidamente as suas forças e, ao mesmo tempo, preparar as indispensáveis bases organizacional e teórico-ideológica para futuramente se desenvolver como partido socialista governante.

Graças à clarividente iniciativa e direção do Presidente Kim Il Sung, foi fundada em 1º de junho de 1946 a escola permanente do Partido que forma os quadros partidários pela primeira vez no país, em acato às iminentes tarefas da revolução e seus deveres estratégicos e históricos.

Com sua fundação, nosso Partido pôde ter o poderoso centro capaz de formar sistematicamente os quadros medulares já desde o começo e solucionar os problemas teórico-práticos mesmo sob a complicada e difícil situação.

Em cada década da revolução, a Escola formou incessantemente os quadros hábeis conforme a missão assumida e veio defendendo no aspecto educacional-prático e no acadêmico a consolidação ideológica-organizacional e as atividades diretivas do Partido teorizando e sistematizando suas as ideias, diretrizes e políticas.

Muitos funcionários partidários e talentosos formados da Escola deram o exemplo de guiar as massas com suas hábeis e consistentes atividades em todos os domínios da construção do Partido e do Estado e da luta revolucionária e deram grande contribuição para desenvolver vitoriosamente nosso Partido e a revolução.

Foi sempre um orgulho do Partido contar com a equipe de educadores e teóricos de prestígio que apoiam fidedignamente a luta do partido socialista governante mantendo o alto senso de responsabilidade pela causa revolucionária, a sincera atitude de estudo e a estratégia de ensino substancial.

Hoje, nosso Partido se encontra no tempo responsável para estender sua história de quase 80 anos no poder para 100 anos e muito mais.

Para esse fim, é muito importante a posição que ocupa a Escola Central de Quadros do PTC e também a sua missão assumida.

Ainda que sejam grandes a ideia revolucionária e as façanhas do nosso Partido, se não se aperfeiçoa o sistema educacional para formar bem as reservas do Partido nem se preparam bem estes que se encarregarão de levar adiante a causa do Partido, longe de suceder a ideia e as façanhas do Partido, é natural que não se possa pensar no próprio futuro — explanou e mencionou a necessidade de atribuir novo caráter inovador e de desenvolvimento ao sistema de formação de reservas e de quadros do Partido.

Dizendo que é importante aprofundar a educação e luta para manter sempre e exibir em todo o Partido o nobre ideal e determinação tomados no início da fundação do Partido e, ao mesmo tempo, impulsionar com responsabilidade e energia o trabalho para formar os funcionários partidários que tenham incorporado o estilo partidário revolucionário do PTC, notou que o CC do Partido, em vista da exigência real da construção socialista e da demanda inevitável do futuro desenvolvimento da revolução do Juche, apresentou as ideias e teorias e orientações claras para o melhoramento da construção e atividades do Partido e faz ingentes esforços por sua implementação.

Apontou que as importantes ideias, teorias e experiências práticas que se estudam, formulam e materializam no curso da luta histórica para elevar a capacidade orientadora, a combatividade e a arte de direção do Partido conforme a nova época da revolução em desenvolvimento devem ser aplicados ativamente na formação de quadros partidários e dar influências no reforço e desenvolvimento prospectivo do Partido ao serem sistematizadas e aprofundadas academicamente sem demora alguma e esclareceu os êxitos obtidos pelo Partido na última década na trajetória de seu desenvolvimento, o rumo da construção partidária na nova era e as tarefas e meios para introduzir inovação nos trabalhos da Escola.

O Secretário-Geral se referiu à luta dos últimos 10 anos pelo fortalecimento do Partido.

O trajeto de luta dos 10 anos passados para transformar todo o Partido segundo o Kimilsungismo-Kimjongilismo foi a década mais chave e decisiva para a existência e o futuro do PTC — sublinhou e prosseguiu:

Durante a década passada, nosso Partido e a revolução fizeram progressos notáveis, mantendo firmemente o seu carácter fundamental.

Isto não é, de forma alguma, resultado da passagem do tempo.

Mas o fruto da luta tenaz do nosso Partido que, assumindo a importante missão de continuação e desenvolvimento, esforçou-se com perseverança para buscar o meio correto para o seu cumprimento e o implementou com ousadia. Se não tivesse sido assim, não seria possível a grande realidade de hoje.

A construção do nosso Partido realizada nos últimos 10 anos se caracteriza pela combinação da continuidade perfeita com a inovação autêntica e, ao mesmo tempo, a do fortalecimento do trabalho partidário para cumprir as tarefas revolucionárias imediatas com a construção prospectiva do Partido que garante o futuro desenvolvimento da revolução.

Nos últimos 10 anos, nosso Partido passou pelo período de continuação e desenvolvimento que revestem um significado histórico para o seu autofortalecimento.

Os divisores de água que determinam em grandes traços o processo de mudança da construção partidária neste período são uma Conferência e dois Congressos

Para o nosso Partido, a sua Ⅳ Conferência e os seus Ⅶ e Ⅷ Congressos não foram simplesmente as mais altas reuniões seguindo a passagem do tempo e a mudança das gerações mas as ocasiões transcendentais que prepararam as etapas de desenvolvimento indispensável e dinâmico na construção do Partido.

A Ⅳ Conferência do PTC, realizada em abril de 2012, em consonância com a histórica tarefa de levar adiante a causa revolucionária que se apresentou em primeiro plano, compôs a nova direção capaz de determinar a ideia diretriz e o programa máximo do Partido e dirigir com segurança a sua materialização, garantindo a continuidade consequente.

Assim, o nosso Partido pôde preparar a firme garantia política, organizacional e ideológica para continuar sem desvios a causa da construção do partido Kimilsungista-Kimjongilista no início do novo século do Juche.

O Ⅶ Congresso do PTC, realizado em maio de 2016, foi o primeiro efetuado em 36 anos na história do nosso Partido (em 1960 o Partido havia decidido realizar congressos apenas quando as tarefas do anterior fossem cumpridas. Assim, o último foi em 1980, e em 2016 se decidiu realizá-los regularmente de 5 em 5 anos.) e deixou aberta a nova etapa de fortalecimento e desenvolvimento da organização.

Através do Ⅶ Congresso do Partido, que fez um balanço orgulhoso da trajetória combativa de construção como digno partido Kimilsungista-Kimjongilista e apresentou as tarefas de luta para fortalecer o caráter revolucionário do Partido e elevar incessantemente seu papel reitor conforme as exigências da revolução em desenvolvimento manifestaram-se patentemente a capacidade diretiva e o poderio combativo dessa agrupação.

O Ⅷ Congresso, realizado em janeiro de 2021, propiciou uma nova virada revolucionária para incrementar por todos os meios a capacidade de orientação e a combatividade do Partido.

Com o Ⅷ Congresso como ponto de partida, nosso Partido pôde contar com um sistema de trabalho periódico e eficiente que torna viável conduzir o desenvolvimento da revolução e o autofortalecimento em um ciclo de cinco anos e aprofundar e desenvolver de maneira contínua e inovadora o conjunto do trabalho partidário, com base nos estatutos emendados de acordo com os princípios da construção do Partido e de seu trabalho e da função e papel das reajustadas e reordenadas organizações centrais do Partido.

Além disso, realizaram-se de maneira planejada as reuniões plenárias do Comitê Central do Partido e as reuniões por setores, dirigidas a elevar o papel reitor do Partido e a reajustar e reforçar os elementos e elos imprescindíveis para o fortalecimento de todo o Partido.

Ao definir e realizar, assim, as ocasiões importantes que servem de marco para a construção do Partido e o desenvolvimento de seu trabalho, atendo-se ao princípio de dar prioridade ao fortalecimento e desenvolvimento próprios do Partido, este pôde resolver de maneira revolucionária as importantes tarefas de sucessão e desenvolvimento, que se apresentam inevitavelmente, prevenindo distúrbios e confusões observáveis nos momentos de sucessão da liderança de um partido socialista governante.

Neste momento, olhando em retrospecto à incomum trajetória combativa dos 10 anos passados, nosso Partido pode afirmar com orgulho que alcançou grandes êxitos vitoriosos, de significado fundamental e medular para o seu desenvolvimento e o cumprimento da causa revolucionária.

Em linhas gerais, são 3 os êxitos alcançados na construção do Partido e seu trabalho nos últimos 10 anos:

Primeiro, manteve e herdou com firmeza a unicidade de ideologia e direção

Segundo, elevou extraordinariamente a função e o papel reitores

Terceiro, fortaleceu ainda mais o caráter revolucionário de servir ao povo.

O fato do nosso Partido ter preparado uma base de eterna duração para se fortalecer e desenvolver continuamente como organização revolucionária com firme unicidade de ideologia e direção constitui o êxito mais valioso que se alcançou na construção do Partido durante esse período.

Se um partido que dirige a revolução e a construção se propõe a cumprir fielmente até o fim a sua missão superando todos os desafios da história, deve assegurar sempre a unidade de ideologia e ação.

Ou seja, todo o Partido deve se unir no aspecto ideológico e volitivo e coordenar as ações com base em uma única ideia e em um único centro.

Tal requisito está inteiramente de acordo com o princípio geral e a lógica de que a organização chamada partido, se não for guiada por um único cérebro e um único centro, não pode funcionar adequadamente e terminará dividida, assim como o corpo humano não pode se mover normalmente se tiver dois cérebros em vez de ser governado por um só.

Embora há muito tempo o nosso Partido tenha se construído em uma organização de ideia e direção únicas, tal tradição não pode ser defendida e mantida com pureza por si própria, nem por inércia e nem por herança no curso da mudança de gerações.

Se o trabalho de consolidação da ideologia e do centro de direção do partido no período de sucessão da causa revolucionária não for realizado escrupulosamente e com força, é inevitável que as ideias e façanhas do líder anterior sejam distorcidas e destruídas e o partido não possa evitar sua deformação e divisão e, finalmente, acabará por perecer. Esta é uma séria lição registrada na história mundial dos partidos socialistas no poder.

A realidade comprova a justeza e a vitalidade da construção do PTC que tem mantido invariavelmente sem qualquer concessão a unicidade de ideologia e direção e, por outro lado, destaca a necessidade de dar perfeita continuidade a esse trabalho em qualquer caso — disse o Secretário-Geral e continuou:

No primeiro período do novo século do Juche, o PTC definiu o Kimilsungismo-Kimjongilismo como sua única ideia diretriz e apresentou a transformação de todo o Partido segundo esta ideologia como sua linha estratégica. Desta forma, estabeleceu uma firme posição política para defender eternamente o ideal e o caráter do Partido e determinou claramente o rumo principal de sua construção.

E desenvolveu uma dinâmica luta de todo o Partido para defender, glorificar e continuar as façanhas dos líderes antecessores.

Por ocasião da reunião ampliada do Bureau Político do Comitê Central do Partido, realizada em fevereiro de 2015, o PTC fez um balanço geral dos êxitos, experiências, defeitos e lições adquiridos na materialização das instruções dos líderes antecessores e aprofundou ainda mais este trabalho, graças ao qual se estabeleceu nas organizações partidárias de todos os setores e unidades o típico estilo partidário de executar perfeitamente às alturas da época todas as instruções dadas pelos líderes antecessores.

O estabelecimento estrito do sistema de direção única no Partido e seu fortalecimento em todos os sentidos significam a solução do problema fundamental para levar adiante a causa da construção do partido revolucionário.

O Secretário-Geral assinalou que o fundamental na sucessão da causa revolucionária e na de construção do partido é a continuação da direção, e enfatizou que o PTC desenvolveu com energia o trabalho para estabelecer estritamente o sistema de direção única com o apoio de todos os militantes partidários no período histórico da sucessão da causa revolucionária do Juche e, com base nisso, consolidou a unidade monolítica do Partido e do povo e manteve a unicidade de ideologia e direção dentro do Partido.

Recentemente, o PTC formulou a nova definição sobre o fortalecimento do sistema de direção única e as metas a serem alcançadas e orienta à sua execução todo o trabalho partidário.

Ao herdar e garantir completamente a unicidade de ideia e direção, preparou a garantia decisiva para culminar a causa revolucionária sem qualquer mudança ou desvio. Eis aqui o balanço principal da construção do PTC na última década.

Outro êxito alcançado na construção partidária no mesmo período é que se aumentou extraordinariamente a capacidade de direção do Partido e elevou a combatividade e atividade de suas filiais.

O prestígio e o poderio do partido socialista governante se manifestam patentemente na prática de sua orientação sobre a luta revolucionária e a construção.

O importante para o partido que assume a missão de conduzir a causa revolucionária sem qualquer reviravolta ou desvio é adotar as linhas, políticas, estratégias e táticas acertadas, dirigir com destreza o seu cumprimento e implementar incondicionalmente seu programa de luta enfrentando com agilidade a mudança da situação.

Ao entrar no novo século do Juche, o PTC enfrentou as tarefas prementes de manter a rota do socialismo e conduzir o desenvolvimento da época em meio aos múltiplos desafios e dificuldades.

Com suas constantes atividades ideológicas e teóricas, o Comitê Central do Partido estudou as respostas científicas aos novos problemas teóricos e práticos que se apresentavam na construção e atividades partidárias e na revolução e na construção, formulou-as como vontade organizacional de todo o Partido e prestou muita atenção a realizá-las através da luta das próprias massas populares.

Atribuiu importância a reabilitar o sistema de operação ordinária dos Congressos do Partido, reuniões plenárias de seu Comitê Central, reuniões de seu Bureau Político e outros importantes eventos partidários conforme a posição diretiva e função do Partido, Estado-Maior da revolução, e melhorar seu funcionamento.

Nas importantes reuniões partidárias, foram discutidos coletivamente e a tempo o rumo de luta do Partido e suas diretrizes e políticas, de acordo com a demanda da revolução em desenvolvimento e a mudança da situação, e foi feito um balanço periódico do estado de sua execução. Como resultado, foram assegurados com firmeza a unidade, a responsividade, o dinamismo e o rigor em todos os trabalhos do Partido e do Estado e se elevou incomparavelmente a autoridade diretiva e o papel do Partido.

Para fortalecer a direção do Partido sobre a construção socialista, é preciso imbui-lo com uma só ideologia e mobilizar as massas populares à materialização das políticas partidárias

A fonte do poder de direção política do Partido está na veracidade e justeza de sua ideologia e política e no trabalho político e ideológico que as converte em coisa das próprias massas populares.

O PTC obteve uma série de êxitos ao conceder sempre prioridade a armar as massas com suas ideias e políticas e chamá-las à sua materialização.

Estabeleceu em todo o Partido um ordenado sistema de transmitir imediatamente os documentos e orientações partidárias e potencializou a rede de estudo do Partido e outras de educação interna, de maneira que a ideia revolucionária do Partido e suas diretrizes e políticas cheguem a tempo até as organizações primárias e todo o Partido e povo possam conhecer corretamente as tarefas combativas apresentadas pelo CC do Partido.

Segundo as exigências da prática revolucionária, aprofundou os conteúdos da educação ideológica do Partido tomando a educação de 5 pontos como a fundamental e dinamizou a campanha ideológica para criar o novo espírito da época convertendo a ideia de primazia do nosso Estado no espírito patriótico de todo o povo.

Intensificou-se mais do que nunca a educação através das tradições revolucionárias e dos objetos de interesse histórico-revolucionário e se desdobraram de maneira estratégica e por etapas os trabalhos para herdar o espírito e temperamento de luta das gerações antecessoras da revolução, o que constitui uma das mudanças e desenvolvimentos importantes alcançados no trabalho ideológico do Partido.

Também se registaram notáveis avanços na busca e aplicação das formas e métodos inovadores para elevar a eficiência da agitação e propaganda, entre outros, elevar a categoria dos atos políticos do Estado e renová-los de modo criativo e diverso para alcançar o máximo efeito político e educativo e assegurar o caráter político-ideológico, a contemporaneidade e a unidade na propaganda visual.

O trabalho a ser priorizado e acompanhado sempre no fortalecimento da direção partidária é consolidar o Partido não só no aspecto ideológico, mas também no organizacional como agrupação política reitora e destacamento de vanguarda da revolução.

Recordando que o PTC reordenou sua combatividade e melhorou suas ações ao desenvolver de forma abrangente e detalhadamente durante a última década o trabalho para se consolidar no âmbito organizacional, o Secretário-Geral fez um resumo de uma série de medidas tomadas pelo Partido para se colocar em plena marcha de acordo com a realidade, e os resultados de sua implementação.

Referiu-se a que o Partido definiu o trabalho relacionado com os quadros, o crescimento das fileiras do Partido e a administração das mesmas como os 3 grandes eixos a serem canalizados para o fortalecimento do Partido e veio intensificando, conforme o novo ambiente de luta e as tarefas revolucionárias, os trabalhos para formar e administrar solidamente as fileiras de quadros e do Partido.

Recordou que veio se aprofundando durante os 10 anos passados o fortalecimento das organizações primárias do Partido a que se atribui sempre muita importância na construção partidária, e prosseguiu:

Nosso Partido considera o fortalecimento das células e organizações de base do Partido como um elo importante para o fortalecimento de todo o Partido e realiza regularmente uma vez a cada cinco anos as conferências dos secretários de célula e dos de comitê de base do Partido.

Através de tais ocasiões, registram-se mudanças positivas no trabalho das organizações de base do Partido, ao analisar e avaliar exatamente o que se melhorou realmente ou não nos trabalhos das células e organizações primárias e tomar as medidas necessárias, assim como dar a conhecer diretamente aos secretários dessas unidades a intenção do CC do Partido e apresentar-lhes claramente o rumo de suas atividades posteriores e as tarefas.

Paralelamente aos trabalhos destinados a reforçar as organizações primárias, realizaram-se de maneira ordenada e intensiva as conferências por esferas de direção e por setores de trabalho, inclusive os cursilhos de secretários responsáveis dos comitês de cidade e condado do Partido, o cursilho especial de funcionários do ramo de direção da vida partidária nas seções de organização dos comitês de província, cidade e condado, o cursilho de funcionários do setor de propaganda, etc. Estes eventos tiveram grande significado para fazer às unidades diretivas e aos escritórios de trabalho em todos níveis renovar os trabalhos partidários ao conhecer bem sua missão, os princípios de ação e o rumo da luta.

Torna-se forte em todo o Partido o ambiente de observar rigorosamente os seus estatutos e regulamentos e executar cabalmente as suas políticas – eis o resultado do fato de o nosso Partido ter promovido os trabalhos destinados a estabelecer uma rigorosa disciplina em suas fileiras apresentando o fortalecimento disciplinar como tarefa primordial e premente para construir sadiamente o Partido — analisou o Secretário-Geral.

Prosseguiu que o Partido, ao reajustar e reforçar em todos os aspectos sua liderança e combatividade na década chave em que se amontoavam as tarefas mais importantes e difíceis para o cumprimento da causa revolucionária, fez-se mais experiente no aspecto político e se desenvolveu irreconhecivelmente no ideológico-organizacional.

Disse que constitui um êxito precioso o fato de ter mantido com firmeza e consolidado durante 2 anos a natureza revolucionária do nosso Partido como verdadeira organização política do povo.

Posto que a revolução é uma luta pela independência das massas populares, o Partido que a dirige não deve em nenhum caso se desviar de seu ideal e missão fundamentais de se responsabilizar pelo destino do povo e defender seus interesses — destacou e continuou:

Porém, quanto mais longa se torna a história política de um partido socialista no poder, tanto mais se geram as possibilidades de que se dilua o estilo de servir ao povo e prevaleçam os fenômenos de burocracia.

O princípio invariavelmente aderido pelo CC do Partido desde o início de sua liderança tem sido destacar e nutrir sua natureza de servir absoluta e abnegadamente às massas populares.

Daí, formulou a essência do Kimilsungismo-Kimjongilismo, ideologia diretriz do Partido, como dar primazia às massas populares e impulsionou propositada e tenazmente o trabalho para imbuir todas as atividades do Partido e do Estado com este princípio.

Ao resolver as difíceis tarefas pendentes na construção socialista mobilizando as forças das massas populares, nosso Partido prestou grande atenção a materializar em suas atividades a concepção e a filosofia jucheanas sobre o povo, cuja essência está em servi-lo incondicionalmente.

A ideia de reverenciar como sagrado o nosso povo, a palavra de ordem “Tudo para o povo e tudo se apoiando nas massas populares!” e o chamado a servi-lo com total entrega constituem uma manifestação coerente da nobre concepção do nosso Partido sobre o povo e um credo que todas as organizações e funcionários partidários têm em seu trabalho e atividades.

Hoje, nosso Partido aprecia e absolutiza a vontade, as demandas, os interesses e o conforto do povo na elaboração e execução de todas as políticas e, neste processo, eleva-se consideravelmente o caráter popular das organizações e dos funcionários do Partido.

Estabelece-se no Partido o estilo de se aproximar mais dos habitantes nos momentos mais difíceis e se projetam e implementam muitos trabalhos para proporcionar-lhes uma vida estável e civilizada.

O principal obstáculo que impedia a implementação da política do Partido de dar primazia às massas populares era o ponto de vista ideológico e modo de trabalho errôneos que prevaleciam nos funcionários.

O Partido elevou constantemente o grau de educação e luta considerando a retificação do estilo de trabalho dos quadros como assunto político vital para defender seu caráter e natureza e garantir sua existência e desenvolvimento e como uma tarefa premente para manter em seu seio um ambiente político revolucionário e sadio.

Travou-se em todo o Partido uma concreta e rigorosa luta para eliminar todos os maus pontos de vista ideológicos e estilos de trabalho, entre outros, a irresponsabilidade e a inatividade no cumprimento da missão assumida, o formalismo, o pancismo e as amostras de desatenção às condições da vida populacional.

Em particular, foi declarada guerra contra o abuso de autoridade, o burocratismo, a corrupção, a especialização de unidade e as tributações extras, e foram adotadas por etapas as fortes medidas organizacionais e legais.

Dessa maneira, foram suprimidos os atos antipopulares que desprezavam o povo e violavam seus interesses e muitos funcionários tomaram consciência.

Mantendo invariavelmente seu caráter revolucionário e natureza na importante etapa de sucessão da revolução do Juche e no período de seu desenvolvimento, nosso Partido incrementou extraordinariamente sua capacidade diretiva e combativa preparando, assim, o trampolim para a construção do Partido promissor e alcançando enormes êxitos milagrosos que permitem se convencer do futuro do socialismo mesmo nas severas dificuldades.

Os ressonantes êxitos e valiosas experiências alcançadas na construção do nosso Partido durante a última década servirão de firme base para promover o fortalecimento e desenvolvimento do Partido e serão registrados com letras maiúsculas na história de edificação do partido revolucionário de tipo Juche.

O estimado camarada Kim Jong Un esclareceu o rumo da construção do Partido na nova época.

Disse que a difícil e enorme tarefa e a situação subjetiva e objetiva que se apresentam diante da revolução coreana e a trajetória legítima da construção socialista exigem o aprofundamento e desenvolvimento constantes na construção do Partido — e continuou:

Como me referi antes, o Partido é a força motriz e organizadora da revolução e, portanto, o trabalho de fortalecimento do Partido deve estar sempre à frente dos tempos e certamente ser bem-sucedido.

A causa da construção do partido é precisamente a causa revolucionária e pode-se dizer que o nível da construção do partido é o nível de desenvolvimento da revolução.

Embora nosso partido tenha obtido valiosos sucessos em sua construção nos últimos 10 anos, é preciso impulsionar com mais força a transformação de todo o Partido segundo o Kimilsungismo-Kimjongilismo em uma nova etapa superior com os esforços redobrados.

O importante para forjar o futuro de um partido socialista no poder é manter resolutamente seus deveres e princípios de ação sem perder o foco de seu desenvolvimento em quaisquer circunstâncias e condições, continuar intensificando a campanha para unir todo o partido em torno de seu comitê central, criar profundas raízes nas massas trabalhadoras e adquirir a confiança unânime de todo o povo.

Em particular, apresenta-se como maior prioridade tornar mais firme a confiança das massas populares no Partido e consolidar o alicerce desta fé no tempo atual em que surgem enormes tarefas diante da revolução e se interpõem muitas dificuldades.

Por isso, o Comitê Central do Partido reconhece que é necessário e mais apropriado fortalecê-lo, de acordo com as exigências da nova época, como um partido veterano no aspecto político, sólido no organizacional, puro no ideológico, rigoroso na disciplina e sadio no estilo de trabalho.

Em uma palavra, pode-se dizer que a construção política, a organizacional, a ideológica, a disciplinar e o estabelecimento do estilo de trabalho constituem o rumo da construção do Partido na nova época.

A nova orientação de 5 pontos sobre a construção do Partido apresenta-se como uma questão muito urgente, tanto em vista das lições históricas do movimento socialista mundial quanto à luz da situação interna do nosso partido.

A história do movimento socialista mundial não conhece o caso de nenhum partido governante débil no aspecto político, inconsistente no ideológico e organizacional e dominado pela indisciplina e mau estilo de trabalho que tenha dirigido corretamente a revolução e servido devidamente ao povo.

O partido vulnerável na autoconstrução, sem exceção, perdeu a confiança e a capacidade de liderança do povo e não conseguiu superar os desafios e a ofensiva contrarrevolucionária.

Até hoje, nosso partido tem alcançando grandes vitórias superando as severas dificuldades mediante a luta perseverante para converter todas as suas fileiras em um poderoso ente organizado e ideologicamente puro, principalmente, nos 3 aspectos da construção organizacional, ideológica e do melhoramento da arte de direção, e para vincular a liderança com as massas.

Ao analisar as condições subjetivas e objetivas da revolução e a atual situação do trabalho partidário, o Secretário-Geral explicou os problemas que se apresentam para consolidar o Partido às alturas da nova época superando com audácia as coisas caducas e atrasadas que impedem a construção do Partido e o desenvolvimento de seu trabalho, ao dar mais incentivo ao fortalecimento de todas as suas fileiras sem se vangloriar dos êxitos já alcançados e trabalhar com uma metodologia mais apropriada e eficiente.

Sublinhou a necessidade de impulsionar substancialmente o desenvolvimento do Partido baseando-se na orientação da construção do Partido na nova época, a fim de estabelecer o aspecto e o estilo partidário que garantam seu eterno fortalecimento e desenvolvimento e marchar com segurança para a construção do socialismo e do comunismo.

Há que dar forte impulso à construção política do Partido — apontou e prosseguiu:

A construção política do Partido é uma tarefa central e nuclear para elevar incessantemente a sua capacidade reitora e manter e consolidar o seu correto carácter político.

Até agora, nosso partido veio realizando de maneira original, propositada e consistentemente o trabalho de se fortalecer politicamente.

Assim, criou-se no seio do Partido um exemplo mundial em consolidar o ambiente político revolucionário com a unicidade de ideia e direção como núcleo e adquirir o aspecto e prestígio de uma organização política diretiva.

Não há razão para menosprezar essa tarefa nem se vangloriar, embora o nosso partido tenha obtido grandes êxitos nesta matéria, e, na realidade, apresenta-se a urgente necessidade de elevar sua autoridade diretiva e reforçar ainda mais o caráter político em seu trabalho.

A construção política do Partido deve ser sempre apreciada e fortalecida, e os demais setores da construção partidária, incluindo a construção organizacional e ideológica, devem ser conduzidos e definidos por ela.

O requisito fundamental dela é aprofundar em nova altura o trabalho para estabelecer o sistema de direção única do Comitê Central do Partido.

Este sistema é a espinha dorsal da liderança do nosso Partido, o núcleo do seu carácter político e o fundamento de sua alta dignidade e grande combatividade, que invejam todos os outros partidos revolucionários.

Como já declaramos, o objetivo ideal do estabelecimento de tal sistema reside em converter todo o Partido em um ente integral com seu Comitê Central, com uma cabeça e um corpo.

Há que defender resolutamente o prestígio do Comitê Central do Partido, materializar incondicionalmente suas ideias, decisões e diretivas, remetê-lo todos os problemas que se apresentam no trabalho partidário e nas atividades do Partido para manejá-los segundo sua conclusão e estabelecer uma rigorosa ordem e disciplina de mover todo o Partido como um só homem sob a direção única de seu Comitê Central. Eis os afazeres que devemos aprofundar de contínuo sem nenhuma demora.

O importante é fazer reinar em todo o Partido a fidelidade pura e a atitude de transformar em fé.

O sistema de direção única do Comitê Central do Partido se consolidará ainda mais quando contar com a fidelidade proveniente do coração de seus funcionários e militantes.

Como a genuína fidelidade ao Partido não nasce nem se consolida como fé da noite para o dia, todas as organizações do Partido, em vez de pretender, devem fazer ingentes esforços cultivá-la com eficiência para que se torne uma virtude político-ideológica e moral.

Ao fazer com que todos os funcionários e militantes do Partido pensem e ajam sempre com base na fidelidade, deve-se fortalecer incessantemente o sistema de direção única do Comitê Central do Partido, baseando-se na fervorosa lealdade das massas, ainda que se mude a situação e passe o tempo.

Outra exigência importante da construção política é que os comitês do Partido em todos os níveis cumpram corretamente a função e o papel de órgão máximo de direção e estado-maior político das respectivas entidades.

O comitê partidário correspondente deve manter estritamente o sistema e a ordem de dirigir e controlar de maneira unificada todos os órgãos, entidades e organizações de suas regiões e unidades, e fomentar ativamente a democracia dentro do Partido e administrar corretamente todos os trabalhos mediante a orientação coletiva.

Em particular, é necessário superar a tendência de fazer do trabalho partidário um administrativo e profissional e de os funcionários do Partido assumirem assuntos administrativos, ao direcionar o trabalho das organizações do Partido para o povo e ser consistente com as atividades políticas

Outra demanda importante da construção política reside em fazer com que todos os militantes do Partido cumpram perfeitamente seu papel de ativista político com alta consciência política.

Esta é precisamente a tarefa que o nosso Partido deve forcar e resolver na construção política.

É natural que o Partido possa cumprir satisfatoriamente sua missão e papel de Estado-Maior político quando cada militante pensar e lutar ao nível de um vanguardista consciente e ativista político — sublinhou e explicou os problemas vinculados a elevar a sensibilidade e o nível políticos e teórico dos militantes e dinamizar suas ações políticas.

Outro requisito importante da construção política é desenvolver ininterruptamente os métodos de direção sobre a revolução e a construção — enfatizou e continuou:

É sempre indispensável na direção política do Partido a correta combinação da liderança com as massas.

Cabe a nós enriquecer mais, conforme a nova época e a revolução em desenvolvimento, os eficientes métodos de direção, criados no longo trajeto de luta do Partido para dirigir a revolução e a construção e manifestaram sem reservas sua a vitalidade, materializando-os ativamente nos trabalhos e atividades partidárias de hoje.

Todos os setores devem realizar bem os trabalhos para ilustrar, despertar e transformar toda a sociedade valendo-se do método de criar e generalizar em cada setor um novo padrão de desenvolvimento aspirante à inovação e ao salto e seu exemplo que possam representar a época, a campanha para alcançar e aprender com as unidades avançadas e trocar suas experiências e outros métodos criados na nova época.

Pode-se dizer que é um dos métodos de direção criar o excelente estilo partidário e tendência e atmosfera de toda a sociedade através das nobres relações de confiança, respeito, abnegação e obrigação moral que unem o Partido e as massas no curso da gloriosa luta para escrever a nova história da revolução do Juche.

Todo o Partido deve fomentar ativamente os traços louváveis como respeitar os precursores da revolução, os vanguardistas da época e os trabalhadores honestos, amar as crianças e atender às pessoas com dificuldades, de maneira que predominem as condutas positivas em todas as esferas da vida social e as virtudes e afetos se tornem um nobre estilo nacional.

O Secretário-Geral esclareceu a necessidade de seguir intensificando a construção organizacional do Partido.

O fortalecimento incessante do Partido no aspecto organizacional é uma demanda indispensável para consolidar a coesão organizacional de todo o Partido em torno de seu Comitê Central e assegurar o metabolismo sadio e a combatividade do Partido — assinalou.

Após assinalar uma série de desvios remanescentes no reajuste e fortalecimento organizacional do Partido, mencionou todos os problemas de princípios para consolidar incessantemente no aspecto organizacional as fileiras do Partido e da revolução conforme o avanço da revolução e da construção e o aprofundamento da luta.

Fazer seletas as fileiras partidárias é uma das tarefas importantes da construção organizacional do Partido, a qual se concretizará como resultado substancial do crescimento do Partido e da administração de suas fileiras.

Enfatizou que o trabalho com as massas é um trabalho para consolidar o terreno massivo do Partido e fortalecer a unidade monolítica e, ao mesmo tempo, uma questão vital relacionada à existência do Partido.

E abordou os problemas tais como concentrar o Partido em ganhar e consolidar a confiança das massas, exigir de suas organizações e funcionários prestar sempre ouvidos à opinião pública e coordená-la bem, reagindo com sensibilidade, e colocar empenho no trabalho com os jovens e crianças, garantia importante da construção prospectiva do Partido.

Apontou a necessidade de aprofundar e desenvolver mais a construção organizacional do Partido para seguir fortalecendo-o como ente integral e unificado de ação que avance com tenacidade para a construção do socialismo e do comunismo superando quaisquer ventos e marés.

Em seguida, falou sobre o tema de impulsionar mais energicamente a construção ideológica do Partido.

O trabalho ideológico do Partido deve ter precedência sobre todos os trabalhos em vista de sua demanda essencial e, só desta maneira, é possível prevenir a metamorfose e a degeneração do Partido e liderar seu desenvolvimento revolucionário e progressivo — expôs e detalhou os meios para elevar a penetrabilidade e eficiência dessa campanha conforme o desenvolvimento da revolução, a mudança dos tempos e o nível de consciência das massas.

Deu ênfase ao tema de considerar como primeira questão vital o sistema de administração única do trabalho ideológico, manter consequentemente o princípio de antepô-lo aos demais trabalhos e desenvolver e enriquecer bem os conteúdos da educação ideológica do Partido conforme o exigido pela prática revolucionária, o de operar normal e substancialmente o sistema de trabalho ideológico, as forças e meios de agitação e propaganda e prestar atenção ao amplo uso dos meios de informática, o de inovar as formas e métodos do mesmo trabalho conforme a época em desenvolvimento e a consciência das massas em mudança, o de fazer reinar em todo o Partido o modo de trabalhar com atitude empreendedora assimilando voluntariamente as políticas do Partido e novos conhecimentos sob o slogan de converter todo o Partido em uma organização estudiosa e o de elevar a potência e a capacidade persuasiva dos meios e publicações e melhorar decisivamente as atividades criativas no setor de literatura e arte para dar novo alento à trincheira ideológica e continuar aumentando o fervor revolucionário das massas.

Destacou a necessidade de intensificar, na construção ideológica do Partido, a luta contra os fenômenos opostos e alheios ao socialismo e a campanha intransigente contra as tendências ideológicas oportunistas e contrarrevolucionárias de toda índole.

Ao ramo de estudo teórico incumbe a tarefa de aprofundar com seriedade e com vistas ao futuro seu trabalho destinado a explicar e divulgar as ideias, teorias e políticas do PTC com o objetivo de esclarecer teórica e profundamente a lei de desenvolvimento do Partido e da revolução coreana e a perspectiva da construção socialista no campo dos estudos teóricos e desenvolvê-los sistematicamente para conduzir à frente a construção ideológica do Partido.

O Secretário-Geral mencionou a necessidade de dar forte impulso à construção disciplinar do Partido.

A rigorosa disciplina no Partido permite suprimir em todos os trabalhos partidários os elementos desorganizados, indisciplinados e negativos e garantir o desenvolvimento sadio do Partido — ensinou e esclareceu os temas de princípios para estabelecer uma correta e rigorosa disciplina acelerando os trabalhos correspondentes tais como implantar o ambiente de observância voluntária da disciplina, o sistema de inspeção da mesma e o de sua aplicação.

Em seguida, falou sobre a questão de construir de forma substancial o estilo de trabalho do Partido.

Esclareceu a necessidade indispensável e o objetivo de melhorar o modo de trabalho partidário.

O excelente estilo de trabalho criado pelo PTC no processo de conduzir a árdua e complexa luta revolucionária e a construção da nova sociedade constitui uma base preciosa para a construção do estilo de trabalho na nova era.

Há que desenvolver de forma constante e metódica entre os funcionários o trabalho para assimilar e aplicar na realidade o estilo de trabalho revolucionário e popular criado pelo Líder e o General e desenvolvido e enriquecido pelo PTC, de modo a manter o típico modo de trabalho comunista do nosso partido.

É necessário ao Partido prestar atenção a estabelecer entre os funcionários o hábito de cumprir responsavelmente suas tarefas assumindo a atitude e modo revolucionários de trabalho.

A combatividade do Partido é precisamente a capacidade de realização, luta e execução dos funcionários.

Há que implantar em todo o Partido o ambiente revolucionário e responsável de aceitar incondicionalmente as resoluções e indicações do Partido e cumpri-las perfeitamente no prazo fixado fazendo uso do espírito de autoconfiança e perseverança, guardar-se da vanglória e da auto-complacência, fomentar a autocrítica e reflexão para poder trabalhar sempre com muito empenho e preocupação e realizar o trabalho com vistas ao futuro.

Ao mesmo tempo, é preciso travar ininterruptamente a luta para acabar com todos os negativos e deturpados pontos de vista e modos de trabalho, tais como a atitude não-revolucionária e não-combativa, a irresponsabilidade, a autoproteção, o formalismo e o oportunismo, que se manifestam na prática, até que desapareça o errôneo modo de trabalho.

O que deve ser particularmente focado na construção do estilo de trabalho é garantir que o ponto de vista e a atitude corretos em relação ao povo sempre prevaleçam no Partido.

Para o nosso partido, que se propõe a se tornar um verdadeiro servo do povo, o correto ponto de vista e atitude sobre o povo é algo que não pode ser negociado em nenhum caso e em nenhuma circunstância.

Como já disse uma vez, nosso Partido nasceu para defender os interesses das massas populares trabalhadoras e desde o início de sua fundação até hoje veio lutando por sua vida feliz, motivo pelo qual ele o apoia chamando-o de “Partido-mãe”.

O PTC avança erguendo a bandeira do Kimilsungismo-Kimjongilismo para manter seu caráter de partido que serve ao povo e cumprir sua missão.

Se o nosso Partido esquecer mesmo que por um momento o seu caráter e missão e, preconizando algum ‘ismo’, incorrer no autoritarismo, perderá sua natureza e será abandonado pelo povo — apontou o Secretário-Geral.

Nosso Partido deve tomar como seu modo revolucionário e de existência aprofundar a confiança do povo e purificar o estilo partidário considerando sagrado o povo e servindo-o com total entrega e alcançar os objetivos mais altos com o poderio da unidade monolítica com o povo — reiterou e continuou:

Para tanto, todos os funcionários devem realizar com eficiência os trabalhos para servir absolutamente ao povo, guardando como seu lema de trabalho e vida a concepção e a filosofia do nosso partido sobre o povo e se dedicar a desenvolver e enriquecer conforme a realidade de hoje o tradicional método de trabalho do Partido com as massas.

Um funcionário em que as massas populares podem confiar e se apoiar a qualquer momento é, antes de tudo, um homem consciencioso e íntegro.

O bom estilo de trabalho como a franqueza, a modéstia e o exemplo pessoal só pode ser brilhar e ganhar o reconhecimento das massas quando se basear na consciência e na integridade.

É possível manter o excelente estilo do Partido e seu domínio se contarmos com quadros honestos e íntegros, por mais que se desenvolvam os tempos e mudem as circunstâncias.

Por isso, ao promover a construção do estilo partidário, é necessário dar sempre apreço e fomento à honestidade, à integridade e à pureza e tomar as medidas adequadas em todos os processos do trabalho partidário para que essas qualidades se convertam em um traço sólido e essencial dos funcionários.

Em particular, não se deve tolerar nem um pouco e eliminar taxativamente os atos de abuso de autoridade, burocratismo, corrupção, tributações extras e outros fenômenos que desprezam o povo e violam seus direitos e interesses.

Ao mesmo tempo, é necessário detalhar os regulamentos de vida dos funcionários que trabalham nos órgãos partidários de todos os níveis de acordo com a nova demanda de estabelecimento do estilo partidário e implantar a ordem de observá-los com rigor.

Se o nosso partido for fortalecido firmemente nos campos da construção política, organizacional, ideológica, disciplinar e do estabelecimento do estilo de trabalho será possível resolver proativa e sistematicamente não apenas as tarefas imediatas para a sua construção, mas também os problemas prospectivos, e, ao mesmo tempo, fortalecer a sua capacidade de liderança e eficiência combativa e cumprir o seu dever de partido revolucionário responsável pelo destino e futuro do povo.

O Secretário-Geral esclareceu as tarefas correspondentes à Escola para melhorar a formação de quadros partidários de acordo com a nova demanda da construção do nosso partido.

Atualmente, o maior problema para fortalecer o Partido e materializar seu programa de luta é a falta dos quadros bem preparados para estas tarefas — ressaltou e acrescentou que é muito importante que as instituições de formação de quadros partidários, sobretudo a Escola Central de Quadros, cumpram com toda sua responsabilidade e dever.

A questão de como a Escola cumpre suas tarefas está relacionado diretamente não só com os atuais trabalhos partidários, mas também com o desenvolvimento prospectivo do Partido e o futuro da revolução — ressaltou e apresentou os deveres para garantir com firmeza o fortalecimento do Partido e seu futuro promissor situando na altura desejada por ele e a revolução a educação com o novo ponto de vista e nova determinação.

O dever básico da Escola Central de Quadros do Partido é formar todos os alunos como verdadeiros revolucionários incansáveis e de elite do Partido equipados da cabeça aos pés com a ideia revolucionária do CC do Partido que defendem e materializam-na resolutamente — especificou e prosseguiu:

Como escrito no monumento erguido na Escola com sua escrita, o grande Líder, já imediatamente após a libertação do país, instruiu os alunos da Escola Superior do Partido Kim Il Sung a serem funcionários competentes do Partido e do Estado que saibam se colocar à frente do povo na luta pela independência da pátria e a liberdade e felicidade do mesmo e trabalhar com ele estando sempre no seu meio.

De acordo com sua missão principal, a Escola Central de Quadros deve orientar todos os seus trabalhos para formar quadros do Partido de novo tipo e servos fiéis do povo que sejam firmes no aspecto político e ideológico e possuam o estilo de trabalho e traços completamente melhorados.

Os funcionários partidários que o nosso Partido deseja são, antes de tudo, os que apoiam com a consciência tão limpa quanto jade branco o CC do Partido e pensam e agem apenas segundo a sua ideologia e propósito em quaisquer circunstâncias, possuam alta capacidade político-profissional e prática, firmemente armados com a ideia e teorias do Partido, assimilaram os princípios e métodos do trabalho partidário e obtiveram a qualidade político-profissional e a capacidade prática de mobilizar as massas, incorporaram a concepção e filosofia do Partido sobre o povo e buscam o valor e a alegria de sua vida em trabalhar com abnegação por ele.

Bem consciente do que exige o Comitê Central do Partido a respeito da formação de quadros, a Escola Central de Quadros deve melhorar o ensino e a formação do partidarismo (espírito partidário) para que um homem, que antes tenha tido defeitos e faltas em seu trabalho e vida, renasça e se forje de novo no aspecto político-ideológico, na qualidade profissional e no espiritual e moral, quando completar os estudos nesta Escola.

Outra tarefa que incumbe à Escola é melhorar o estudo e a interpretação e divulgação das ideias e teorias de nosso Partido.

A Escola Central de quadros é a base principal e o cérebro da construção teórico-ideológica do nosso Partido.

Ela deve estudar em princípio e em profundidade a ideia revolucionária do nosso Partido e fazer um bom trabalho de demonstrar e explicar a justeza, a cientificidade e a vitalidade das novas linhas, políticas e orientações de luta apresentadas e, assim, enriquecer o tesouro teórico-ideológico do nosso Partido.

Compete-lhe também produzir mudanças radicais no trabalho docente para cumprir satisfatoriamente sua tarefa revolucionária.

O mais importante é melhorar o conteúdo do ensino de acordo com a missão e características da instituição de formação de quadros do Partido — apontou e sublinhou a necessidade de plasmar nesse conteúdo as políticas partidárias para dar uma educação substancial na história do PTC, elevar nos estudantes a consciência e sensibilidade políticas que são qualidade indispensável para os funcionários partidários, ensinar-lhes bem o trabalho prático do Partido e melhorar o nível de especialização do ensino conforme as características de cada sistema escolar.

Explicou o tema de melhorar as formas e métodos de educação na Escola e intensificar a administração educacional.

Os professores não devem ser meros mensageiros de conhecimentos, mas guias e projetistas que formam os talentos desenvolvidos política, ideológica e intelectualmente — assinalou e instruiu a dar uma virada decisiva do método de ensino centrado no professor ao centrado no estudante.

Referiu-se a todos os problemas que se apresentam perante a Escola na introdução ativa de novas formas e métodos didáticos acompanhados das ciências e tecnologias modernas, como a realidade virtual e a aumentada, e na avaliação imparcial e correta da capacidade dos alunos.

É importante estabelecer corretamente o sistema de ensino e a norma de seleção dos estudantes conforme a missão e dever da Escola e as exigências da época e aprofundar e implementar corretamente o programa educacional para que possa realizar tranquilamente o ensino teórico e prático dando ênfase principal em forjar o partidarismo — sublinhou e iluminou o rumo e os meios para melhorar a administração educacional e a operação.

A Escola, que ocupa a posição nuclear na melhoria do trabalho docente dos centros de formação de quadros do Partido em todos os níveis, deve ser protagonista na unificação do programa de ensino sobre a construção partidária em todos eles — apontou.

Para cumprir satisfatoriamente com sua missão e dever, a Escola Central de Quadros deve fortalecer qualitativamente a sua fileira de professores — afirmou.

Este trabalho não é um simples trabalho prático, mas uma responsabilidade para consolidar a base de formação de quadros partidários e assegurar o futuro do Partido — assinalou e acrescentou que os professores da escola são revolucionários profissionais que formam os quadros medulares e ativistas políticos do Partido.

Todos os professores, ao mergulhar na melhoria das qualificações e no autocultivo, devem se preparar no aspecto político-ideológico, educacional-profissional e moral-espiritual de modo que tornem respeitados e inesquecíveis pelos alunos e espelhos para eles — precisou e indicou os problemas de princípios para elevar com rapidez a qualificação e a capacidade dos professores e preparar bem as suas fileiras.

O Secretário-Geral apresentou as tarefas concretas para melhorar decisivamente a função e o papel do Comitê do Partido na escola.

Compete ao Comitê do Partido na escola concentrar os esforços em elevar a qualidade política e profissional e o partidarismo dos professores, empregados e estudantes, intensificar a organização e direção da vida partidária e melhorar o trabalho de abastecimento para que os professores e estudantes se dediquem totalmente ao trabalho docente e ao estudo — ensinou.

Enfatizou que os departamentos do Comitê Central do Partido devem dar muita importância a esta escola e prestar atenção à educação nela e à seleção de alunos e à formação da fileira de professores.

A Escola Central de Quadros do PTC é a do Líder e do General e a minha querida — afirmou e expôs o propósito com que o Comitê Central do Partido atribui muita importância a esta entidade que deve compartilhar sempre o mesmo destino com o PTC sendo ente indispensável para a sua existência.

Manifestou sua decisão de fazer desta escola, que arma e forma as reservas do Partido, a universidade das universidades em todos os aspectos ao patrociná-la diretamente e ajudá-la a no trabalho partidário, na administração educacional e na gestão.

Expressou a esperança e convicção de que ela formará os competentes funcionários partidários e hábeis ativistas políticos em que nosso Partido possa confiar os assuntos de 50 e 100 anos e várias décadas depois em acato à ideia do Partido de dar importância à construção partidária e à política de formação de reservas.

Exortou a trabalhar com todo empenho pela nova inovação na formação de quadros do Partido e fortalecer e desenvolver o grande partido Kimilsungista-Kimjongilista e pela marcha vitoriosa da causa revolucionária do Juche.

Terminada a lição comemorativa, estremeceram a audiência as aclamações e aplausos efusivos dos participantes que ficaram muito emocionados por terem recebido a ideia e teoria originais em matéria da construção do Partido conforme as demandas da nova época da revolução do Juche.

Ao acolher o momento histórico em que nasceu a arma poderosa capaz de fortalecer e desenvolver incessantemente como partido promissor o digno PTC que escreve a história mais longa no poder contando com o absoluto apoio e confiança do povo, todos os participantes reafirmaram a vontade de armar-se com a ideia revolucionária e a orientação de luta do grande CC do Partido e trabalhar com total entrega pelo êxito fulminante e a vitória do nobre ideal e sagrada causa.

A visita de orientação do Secretário-Geral à Escola Central de Quadros do PTC será registrada nos anais desta organização como a histórica que impulsionou fortemente a luta por consolidar por todos os meios a base ideológico-organizacional do Partido e fortalecê-lo como poderoso Estado-Maior Político da revolução, fileiras de elite e verdadeira agrupação materna ao esclarecer a rota da construção partidária na nova época e estabelecer o marco de nova viragem para a formação de quadros medulares do PTC.

Em vídeo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *