Coreia do Norte

Kim Jong Un visita Cemitério de Mártires da Guerra de Libertação da Pátria

Pyongyang, 26 de julho (ACNC) — O estimado camarada Kim Jong Un, Secretário-Geral do Partido do Trabalho da Coreia e Presidente dos Assuntos Estatais da República Popular Democrática da Coreia, visitou no dia 25 o Cemitério de Mártires da Guerra de Libertação da Pátria por ocasião do 70º aniversário da grande vitória nesta contenda bélica (27 de Julho).

Acompanharam-no nesta ocasião o Ministro da Defesa Nacional da RPDC, Kang Sun Nam, e outros comandos do MINDEN e os comandantes das forças armadas de diferentes tipos do Exército Popular da Coreia e os chefes das grandes unidades combinadas.

O estimado camarada Kim Jong Un depositou uma oferenda floral diante do cemitério.

Prestou homenagem aos mártires da grande década que, com a vitória a custo do sangue e o sacrifício valioso, defenderam honrosamente a soberania e a tranquilidade da pátria e do povo e criaram o nobre patrimônio ideologócio-espiritual e a tradição de vitória como pedra angular da supremacia eterna da RPDC.

O milagre do 27 de julho, que conseguiram os primeiros defensores da RPDC guardando firmemente a primeira linha da luta anti-imperialista em uma parte do Oriente da Terra, significa o triunfo da excepcional e fervorosa causa patriótica do nosso exército e povo que defenderam a todo custo a honra e a soberania da pátria — disse.

Ao mesmo tempo — prosseguiu — constitui a grande vitória de importância histórica para a humanidade que freou o estouro de uma nova guerra mundial infligindo a vergonha e derrota nunca reparáveis ao imperialismo norte-americano, líder da agressão.

O triunfo conseguido na guerra pela geração vencedora a custo do sangue e vida e as vitórias sucessivas que temos alcançado durante 7 décadas de século em século e geração após geração na indômita confrontação com o imperialismo norte-americano constituem o verdadeiro exemplo de defesa da pátria e da paz que pôs em evidência a todo o mundo a existência material do país do povo e do Estado justo que nenhuma força pode conquistar — acrescentou e afirmou que isto se torna a orgulhosa dignidade sem precedentes na história de 5 milênios da nação coreana.

É invencível um Estado que tem grande história e tradição e firme sucessão — apontou e assegurou que sairá sempre vitoriosa a RPDC, potência mais digna e independente do mundo, ao dar continuidade ao heroico espírito e temperamento de luta manifestados na grande década como força irresistível típica da revolução coreana.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *