Realizada a reunião consultiva do BP do CC do PTC

Pyongyang, 21 de maio (ACNC) — O Bureau Político do Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia convocou, no dia 21, uma reunião consultiva na sede do CC do Partido e discutiu o tema referente ao reajuste e reforço da atual capacidade profilática do Estado e aos preparativos para a Ⅴ Reunião Plenária do Ⅷ Período do CC do Partido.

A reunião foi dirigida pelo Secretário-Geral do PTC, Kim Jong Un.

Na ocasião, estiveram presentes os membros do Presidium e os integrantes e outros suplentes do BP do CC do PTC.

Participaram como observadores os funcionários do ramo de profilaxia emergente do Estado e o quadro diretivo do Ministério da Saúde Pública.

O BP ouviu o relatório do Comando Estatal de Profilaxia de emergência sobre a situação de proliferação da epidemia até o dia 20.

Antes de tudo, discutiu-se a questão de coordenar e executar com maior eficiência a política profilática do Partido e do Estado, de acordo com a detenção e controle estáveis da situação geral de transmissão da epidemia no país.

O BP avaliou que como resultado da grande batalha profilática de todo o povo para demonstrar a todo o mundo a força e o espírito da Coreia heroica na guerra contra a epidemia maligna em acato à resolução e indicação do CC do PTC de atribuir o caráter de emergência máxima ao sistema profilático do Estado, refreia-se gradualmente a proliferação em escala nacional, aumenta-se a cada dia o número de recuperados e se reduz consideravelmente o de mortos, entre outros índices de controle estável em todas as regiões.

O Secretário-Geral resumiu e analisou o estado de trabalho profilático dos últimos 9 dias desde o início da guerra profilática contra o vírus maligno.

Ao avaliar a tendência positiva da campanha profilática de emergência do Estado, apontou que os êxitos alcançados na campanha atual são o fruto da direção acertada do Partido, da superioridade político-ideológica do sistema socialista ao nosso estilo e sua típica força organizada e unida.

Ao ajustar e otimizar contínua e dinamicamente a política profilática conforme a situação dada e estabelecer a estratégia e táticas consequentes do Estado, é preciso continuar tomando as possibilidades de vitória em toda a frente de profilaxia e adotar as medidas multilaterais para poder revitalizar toda a economia — ressaltou.

Falou da necessidade de fazer lembrar e se armar mais uma vez em todo o Partido com as medidas profiláticas mantidas pelo PTC por mais de 2 anos após o surto da pandemia no mundo, a atual orientação e regras de profilaxia do Estado e as experiências e lições adquiridas no curso de seu cumprimento, de modo que se possa fazer entender de novo o dever e papel das organizações partidárias e a missão dos militantes do Partido para superar a atual crise e elevar a consciência de todo o povo.

Enumerou as tarefas e meios importantes para defender com firmeza o setor sanitário do país, ao deter o máximo possível a proliferação da epidemia, melhorar as medidas médicas para os febricitantes e confirmados e manter constantemente os princípios gerais e medidas de profilaxia, apresentados pelo Partido.

Instruiu a detectar com a observação aguda a deficiência dos trabalhos estatais observada desta vez e preparar uma oportunidade de conseguir o desenvolvimento transcendental da capacidade de reação do Estado frente as crises.

Demandou a todos os setores e unidades promover fortemente o reajuste e reforço com a visão estratégica em vez de medidas temporárias e faltas de visão, assim como estudar e estabelecer o plano de ação emergente e o sistema de trabalho nos casos de contingência.

Destacou a necessidade de conseguir, custe o que custar, a grande vitória da batalha de todo o povo contra o vírus maligno ao prestar muita atenção à proteção da saúde do pessoal médico e à garantia das condições de sua vida, fomentar as virtudes comunistas como excelente modo da sociedade coreana e potencializar o espírito do patriotismo, do coletivismo e do socialismo.

Ao voltar a dar ênfase à missão e papel do Partido e às responsabilidades dos funcionários partidários ante a atual crise sanitária que assola o país, assinalou que as organizações e funcionários partidários devem estar onde os habitantes têm medo e se encontram preocupados e angustiados, e instruiu-os a servir de muro à prova de balas em defesa do povo com a devoção ilimitada e a lealdade invariável a ele.

Em seguida, referiu-se aos problemas importantes sobre o papel do domínio judicial, da procuradoria e da segurança pública e suas tarefas imediatas.

Foram deliberados, na ocasião, os temas de instaurar os centros de tratamento por regiões encarregados de projetar e dirigir a assistência médica frente a epidemia, conseguir a distribuição equilibrada do pessoal médico em todo o país, instalar na cidade de Pyongyang, nas províncias, distritos e condados os centros e bases de distribuição de fármacos para elevar a eficiência, rapidez e segurança do fornecimento, empregar na cura as medicinas tradicionais de alta eficiência, elevar a capacidade produtiva das fábricas farmacêuticas e incrementar as variedades de medicamentos e adotar as medidas fundamentais e efetivas para potencializar ainda mais a base técnico-material do setor sanitário.

Além disso, foram tomadas as medidas políticas correspondentes.

Em seguida, a reunião discutiu a questão de enviar às províncias os grupos de orientação de trabalho encarregados de averiguar geralmente o cumprimento das políticas do Partido e do Estado no primeiro semestre de 2022, como parte dos preparativos para a Ⅴ Reunião Plenária do Ⅷ Período do CC do PTC.

Paralelamente à intensa campanha profilática emergente do Estado, há que impulsionar tenazmente e sem interrupção a luta por cumprir a linha do Partido pelo desenvolvimento integral do socialismo — disse o Secretário-Geral e instruiu a organizar com os membros do BP do CC do Partido os grupos de orientação de trabalho com a missão de averiguar e controlar por regiões e ramos o estado de cumprimento das políticas do Partido e do Estado, atribuídas pela Ⅳ Reunião Plenária do Ⅷ Período do CC do PTC.

Aos quadros diretivos compete se inteirar corretamente em campo do funcionamento do sistema profilático emergente tais como da distribuição de medicamentos aos habitantes, do tratamento e da garantia das condições de vida, do cumprimento das medidas de profilaxia e, ao mesmo tempo, da marcha de produção nos domínios industriais e de tarefas agrícolas de cada processo do setor agrícola para implementar as principais tarefas políticas, assim como tomar as medidas oportunas — especificou.

Levando em conta as exigências da revolução em desenvolvimento, a tendência da situação e circunstâncias mutáveis, esses grupos têm de dirigir e ajudar ativamente com vistas ao desenvolvimento o trabalho para melhorar o funcionamento e desempenho dos órgãos locais do Partido, do Poder e das entidades de massas que assumem a tarefa de guiar o cumprimento das políticas partidárias nas respectivas zonas.

Aceitando seriamente a missão importante que lhes foi concedida pelo Partido e pelo povo, os quadros diretivos a serem enviados às províncias devem buscar as medidas inovadoras com base na averiguação correta em campo da situação real para poder informá-las à reunião plenária do CC do Partido e refleti-las na resolução correspondente — indicou e ensinou os meios a respeito.

A reunião decidiu fundar os grupos de orientação de trabalho principalmente com os membros do Presidium do BP e os secretários do CC do Partido, incluindo os funcionários dos departamentos correspondentes do CC do Partido e o pessoal necessário do Conselho de Ministros e do setor judiciário e fiscal e distribuiu a cada um deles as zonas e tarefas de trabalho, entre outros detalhes do trabalho organizacional.

Leave a Reply

Your email address will not be published.