Kim Jong Un felicita os comandantes dos desfile militar pelo 90º aniversario de fundação do ERPC

Pyongyang, 30 de abril (ACNC) — O estimado camarada Kim Jong Un, Secretário-Geral do Partido do Trabalho da Coreia e Presidente dos Assuntos Estatais da República Popular Democrática da Coreia, recebeu e estimulou na sede do Comitê Central do Partido os comandantes do Exército Popular da Coreia, que dirigiram com sucesso o desfile militar e outros atos pelo 90º aniversário da fundação do Exército Revolucionário Popular da Coreia.

Estiveram presentes na ocasião Pak Jong Chon, membro do Presidium do Bureau Político do Comitê Central do PTC, vice-presidente da Comissão Militar Central e secretário do CC do PTC, o ministro Ri Yong Gil e outros diretivos do Ministério da Defesa Nacional, e os comandantes dos serviços e corpos do Exército Popular da Coreia.

Os comandantes do Ministério da Defesa Nacional e do Exército estavam tomados pela grande confiança no Comandante Supremo que concede todos os louros aos seus soldados, embora ele mesmo tenha convertido o solene desfile militar de abril em uma manifestação do poderio absoluto e da superioridade técnico-militar das forças armadas da RPDC, capazes de conseguir uma vitória esmagadora sobre qualquer inimigo poderoso do mundo, e em um acontecimento revolucionário que multiplicou a convicção de vitória certa a todos os habitantes do país.

Pegando cordialmente as mãos dos comandantes que lhe davam a saudação de fidelidade, o Secretário-Geral avaliou de altos os méritos realizados por eles para festejar com um solene desfile militar a acima mencionada efeméride significativa e gloriosa na história da revolução coreana e da nacional.

O primeiro passo de nossas forças armadas revolucionárias, que tiveram como seu recurso inicial nada mais que duas pistolas, se estendeu à marcha galante e impetuosa do exército revolucionário do Partido, o único e mais poderoso do mundo — disse e acrescentou que o de mauser, que ecoou na floresta de Antu, foi amplificado pelo trovão de Hwasongpho que frustra tangentemente a bravata militar das forças hostis.

Esta realidade grandiosa é precisamente a história da fulminante vitória das forças armadas da RPDC que se registrará em letras douradas nos anais da Pátria — apontou.

No mundo atual, onde uma força se choca ferozmente com outra e só se pode defender a soberania e os direitos e interesses próprios mediante o fortalecimento contínuo, a formidável capacidade ofensiva e o avassalador e irresistível poderio militar constituem a linha vital que garante a tranquilidade de nosso Estado e povo e o futuro de todas as gerações vindouras — sublinhou.

Manifestou a firme vontade do CC do Partido de manter e melhorar sem parar a superioridade absoluta das forças armadas revolucionárias a fim de suprimir e frustrar de maneira preventiva, se necessário, todas as tentativas perigosas e ações ameaçadoras, inclusive a persistente e crescente ameaça nuclear das forças hostis. E enfatizou que os comandantes militares devem abrir corajosamente o novo estágio de desenvolvimento das forças armadas revolucionárias, aderindo ao rumo e a linha geral do Partido sobre a construção do exército.

Tirou uma foto junto com os reunidos depois de expor a esperança e convicção de que eles dedicarão todo seu corpo e alma, inteligência e paixão à sagrada causa para consolidar por todos os meios o potencial autodefensivo de nosso grande Estado com a fé na vitória certa, sem esquecer nunca sua nobre missão assumida perante a pátria, a revolução e o povo.

Ao voltar a receber as mostras de confiança especial e afeto do Comandante Supremo, os altos comandantes renderam a máxima glória ao invencível General de Aço que escreve a nova história de incremento do potencial defensivo do Estado formando nossas forças armadas revolucionárias, herdeiras da brilhante tradição anti-japonesa, como exército mais poderoso do mundo.

Todos os participantes juraram defender com firmeza o Partido e a revolução e seguir exaltando a dignidade e prestígio da RPDC, nossa pátria poderosa, ao dedicar-se com coragem redobrada à tarefa de fortalecer por todos os meios o poderio militar como o invencível que ninguém ousa provocar, em pleno acato à ideia e linha do grande Comitê Central do Partido sobre a construção das forças armadas revolucionárias.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *