Coreia do NorteSaúde

Exército Popular da Coreia se mobiliza para a luta anti-epidêmica

Tem lugar ato de juramento de médicos militares do EPC para controlar crise sanitária criada na capital

Pyongyang, 17 de maio (ACNC) — De acordo com a ordem especial do Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia de que o Exército Popular da Coreia cumpra o papel de força principal na defesa da segurança do Estado e da vida do povo na grave situação profilática de hoje, o pessoal competente do ramo de medicina militar se incorporou com urgência à luta pelo abastecimento de remédios, assunto vital da grande batalha profilática.

Teve lugar no dia 16 no Ministério da Defesa Nacional o ato de juramento dos mobilizados para cumprir sua honrosa tarefa assumida na luta para controlar a crise sanitária criada na capital.

Na ocasião, estiveram presentes os combatentes do ramo de medicina militar do EPC mobilizados no serviço e transporte dos medicamentos na cidade de Pyongyang e os funcionários do Ministério da Defesa Nacional.

O membro do Presidium do Bureau Político e secretário do Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia, Pak Jong Chon, transmitiu a ordem especial correspondente da Comissão Militar Central do PTC.

Discursos de juramento foram proferidos pelo coronel-general Kwon Thae Yong, primeiro vice-ministro da Defesa Nacional e titular da Direção Geral de Intendência do EPC, o oficial Ryang Chung Sok e o suboficial Choe Tong Ju.

Os oradores falaram do grande amor ao povo do Secretário-Geral do PTC, Kim Jong Un, que vem conduzindo à frente a severa e grande batalha profilática desde o momento da entrada do novo coronavírus no interior do país até hoje, tomando até uma medida importante sem precedentes na história do EPC.

Expressaram a firme vontade de defender à custa da vida a segurança da capital servindo de baluarte e muro à prova de balas.

Ressaltaram que trabalharão com abnegação para o transporte e fornecimento de remédios, com a consciência política de que o abastecimento não é um simples assunto de trabalho para o tratamento, mas a nobre tarefa patriótica para fazer chegar ao povo a grande devoção do Comandante Supremo.

Reiteraram que entregarão integralmente aos cidadãos de Pyongyang os preciosos remédios trabalhando nos postos encarregados como dignos enviados do CC do Partido.

Exortam todos a vencer com coragem a crise profilática criada na capital e a serem triunfadores honrosos ao lutar com todo o corpo e alma, de modo que possam ostentar orgulhosamente no futuro distante como os médicos militares revolucionários da época de Kim Jong Un cumpriram a missão de combate do Partido na guerra contra o vírus letal.

Em seguida, foi aprovada a nota de juramento dirigida ao estimado camarada Kim Jong Un.

No documento, foi expressa a decisão de todos os participantes de alcançar sem falta a vitória na guerra profilática ao cumprir excelentemente a ordem especial da Comissão Militar Central do PTC.

Na sequência, foi outorgada a carta de despacho em nome do Comitê do PTC no EPC aos oficiais e suboficiais que se despacham com urgência integrando os grupos de tratamento e abastecimento de medicamentos para eliminar a crise profilática da cidade de Pyongyang.

Os funcionários do Ministério da Defesa Nacional, os militares e as esposas de oficiais se despediram cordialmente dos combatentes que partiam para seus destinos.

Com o afã de fazer chegar mais rápida e exatamente aos cidadãos os medicamentos que significam o grande afeto do Partido-mãe, eles procederam imediatamente em campo à distribuição dos fármacos.

Em vídeo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *