Coreia do NorteDiplomacia

𝐊𝐢𝐦 𝐉𝐨𝐧𝐠 𝐔𝐧 participa de recepção e banquete oferecido por Putin

Pyongyang, 14 de setembro (ACNC) — O Presidente da Federação Russa, Vladimir Vladimirovich Putin, ofereceu no dia 13 um banquete em honra do estimado camarada Kim Jong Un, Secretário-Geral do Partido do Trabalho da Coreia e Presidente dos Assuntos Estatais da República Popular Democrática da Coreia, que está de visita à Rússia.

Antes da recepção, o camarada Putin dedicou um presente ao camarada Kim Jong Un como lembrança do encontro.

Após expressar agradecimento, o camarada Kim Jong Un ofereceu seu presente ao mandatário russo.

Foram convidados para a recepção a Ministra das Relações Exteriores da RPDC, Choe Son Hui, os marechais do Exército Popular da Coreia, Ri Byong Chol e Pak Jong Chon, o ministro da Defesa Nacional da RPDC, Kang Sun Nam, os secretários do Comitê Central do PTC, O Su Yong e Pak Thae Song, e outros quadros acompanhantes.

Estiveram presentes na ocasião o Ministro das Relações Exteriores Serguei Lavrov, o vice-premier do governo e Ministro da Indústria e Comércio Exterior, Denis Mantrov, o Ministro da Defesa, Serguei Shoigu, o vice-premier do governo, Alexey Overchuk, o vice-premier do governo e representante plenipotenciário do presidente no distrito federal do Extremo Oriente, Yuri Trutnev, o vice-premier do governo, Marat Jusnullin, o subchefe da administração presidencial e secretário de imprensa do presidente, Dmitri Peskov, o Ministro dos Recursos Naturais e Ecologia e presidente da parte russa da Comissão Intergovernamental Coreia-Rússia para a Cooperação no Comércio Exterior, Economia, Ciência e Tecnologia, Alexandr Kozlov, o Ministro dos Transportes, Vitaly Saveliev, e outros quadros dirigentes e funcionários interessados da Rússia, e o embaixador extraordinário e plenipotenciário russo na Coreia, Alexandr Matsegora.

Quando o estimado camarada Kim Jong Un chegou à sede do banquete, guiado pelo Presidente Putin, todos os participantes deram com aplausos de cordial boas-vindas aos dignitários dos dois países que fazem mais firmes os sólidos e genuínos laços de amizade Coreia-Rússia.

O Presidente Putin proferiu uma palavra de felicitação.

Deu mais uma vez a calorosa boas-vindas ao Presidente dos Assuntos Estatais, Kim Jong Un, hóspede honorável da Rússia, e aos amigos coreanos e se referiu à história de desenvolvimento de vínculos Rússia-Coreia caracterizados pela amizade, camaradagem e boa fé.

As relações Rússia-Coreia se desenvolvem hoje também aspirando à camaradagem e boa vizinhança — disse e afirmou a inalterável vontade do governo russo de realizar esforços constantes pelo desenvolvimento das relações bilaterais e o bem-estar e prosperidade dos povos.

O estimado camarada Kim Jong Un proferiu um discurso de resposta.

Expressou seu grande prazer por esta ocasião significativa, cheia de amizade camaradesca, após se reunir com o Presidente Putin ao voltar a visitar à Federação Russa após 4 anos e 5 meses.

Agradeceu ao dignatário anfitrião e às personalidades interessadas do centro e do Extremo Oriente que trabalham muito pela marcha exitosa da presente visita.

E transmitiu a saudação militante e fraternal do povo coreano a todo o povo russo que se mobilizou no cumprimento da causa histórica para construir uma Rússia poderosa e defender firmemente os interesses estratégicos do Estado.

Manifestou a vontade de preparar com o Presidente Putin o fundamento eterno das relações Coreia-Rússia da nova época de caráter estável e com vistas ao futuro, promover energicamente com seu poderio a causa de construção de potência nos dois países e fazer valer a verdadeira justiça internacional.

O banquete transcorreu sem formalidades em um clima amistoso e agradável.

Após a recepção, o estimado camarada Kim Jong Un convidou com cortesia o Presidente Putin a visitar a RPDC no tempo conveniente.

O dignitário russo aceitou com muito prazer o convite e expressou mais uma vez a vontade de manter como sempre a história e tradição da amizade Rússia-Coreia.

O estimado camarada Kim Jong Un se despediu do camarada Putin desejando-lhe boa saúde e contínuos sucessos magníficos em seu trabalho importante e responsável pela construção de uma Rússia poderosa.

Assim, partiu para o próximo destino de visita recebendo a saudação de despedida dos quadros dirigentes e da guarda de honra das forças terrestres, navais e aéreas da FR.

O histórico encontro e conversas entre os dignitários de ambos os países constituem uma oportunidade de grande relevância que fortaleceu e desenvolveu na nova altura as tradicionais e estratégicas relações de amizade, cooperação e boa vizinhança Coreia-Rússia e estimulou a justa luta pelo cumprimento da causa de independência anti-imperialista.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *